quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Berinjela, aubergine!


Lembra do ano da França no Brasil? Na área da gastronomia, muita coisa legal aconteceu. Participei de um debate promovido pelo Senac de São Paulo com chefs franceses de primeira linha: Yves Camdeborgue e Christian Constant. São dois chefs de alto nível técnico, mas encantadores na simplicidade, característica usual de quem realmente entende do que faz. Yves Camdeborgue foi o responsável pela onda (já nem tão nova assim) da bistronomia. Significa comida de alta gastronomia servida em bistrôs a preços bastante acessíveis.
Christian Constant é o responsável pela chamada "saga Constant",porque seu restaurante em Paris no estilo bistronomia faz tanto sucesso que atualmente, na mesma rua, existem outros dois no mesmo estilo. Vale lembrar que Christian Constant pilotou o restaurante Les Ambassadeurs em Paris durante oito anos, nos quais obteve duas estrelas no guia Michelin.
Très chic e etc, mas o que eu queria mesmo dizer, é que na mesma ocasião teve um workshop com os dois cujo objetivo era ensinar preparações simples para o dia a dia. Simples e deliciosas. Fiz as minhas adaptações, mas a técnica é exatamente como eles ensinaram.
E "vive la France!".
Ingredientes:
3 berinjelas pequenas
6 tomates sem peles e sem sementes
meio talo de alho porró
1 cebola
manjericão
salsinha
azeite de oliva extra virgem
sal
pimenta do reino
pasta de cottage Balkis
Modo de preparo:
Corte as berinjelas ao meio e faça um talho em cruz na polpa sem deixar que a faca chegue na casca. Em seguida passe bastante azeite nelas, salgue e coloque um pouco de pimenta do reino. Coloque-as em uma assadeira antiaderente com a polpa para baixo. Corte meio talo de alho porró e coloque por cima das berinjelas. Cubra com papel alumínio e leve ao forno a 200 graus por vinte minutos.
Enquanto isso, retire peles e sementes dos tomates. Pique-os em cubinhos.
Depois de cozida, retire a polpa da berinjela com uma colher e reserve as cascas.
Refoque a cebola em bastante azeite e junte os tomates, a berinjela, sal e as folhas de manjericão. Volte este conteúdo para dentro das cascas e leve rapidamente ao forno para aquecer. Cubra com pasta de cottage Balkis e enfeite com folhas de manjericão.

5 comentários:

Anônimo disse...

Adoro beringelas, estou sempre a procura de novas receitas vou experimentar e depois te conto, Bia

Clayton disse...

Adoro beringela. Ainda não testei com o produtos de leite na receita. Vou experimentar e digo o resultado. Clayton

marcia micheli disse...

Vocês vão gostar.

Marcelo Gaffa disse...

Má, o alho poro que assa sobre a berinjela, também vai no recheio?

marcia micheli disse...

Marcelinho,
No original não é nem alho porró. É alho. E ele não colocou no recheio,não. Mas eu coloquei e ficou bom.